O Que É um Bom Cartão?

Na hora de escolher um cartão de crédito, todo consumidor procura um bom produto. A questão é que nem sempre sabemos exatamente qual é o melhor cartão ou quais características ele precisa ter para ser considerado como de qualidade. Afinal, o que é um bom cartão?

Um bom cartão é aquele que atende às suas necessidades. O que parece muito vantajoso para mim pode parecer pouco interessante para você. O ideal é que o cartão se adéque à sua forma de uso, à sua renda e ao seu padrão de vida.

Limite Alto

Muita gente pensa que um bom cartão de crédito precisa ter limite alto. Porém, essa regra não é unânime. Se a sua renda é de R$1 mil e a administradora oferece um cartão de crédito com limite disponível de R$3 mil, será que ele é realmente bom? Nesse caso, o limite alto só é benéfico para empresa, que pode lucrar com a cobrança de juros e multa quando o cliente não conseguir pagar suas contas. O excesso de limite é a receita infalível para o endividamento, uma vez que você sempre poderá gastar mais do que recebe.
Um bom cartão tem limite adequado à sua renda e não alto demais para causar dívidas. 

Seguros e Serviços Adicionais

Os cartões de crédito mais caros são aqueles que oferecem um grande número de seguros e serviços de assistência, como é caso dos cartões Platinum, Infinite e Black. Isso pode ser vantajoso, mas depende muito do modo como você utiliza o seu cartão. Não adianta nada pagar muito por serviços que você não vai usar. Programas de milhagem, seguros de viagem, assistências internacionais e outras ofertas semelhantes só valem a pena para quem costuma viajar para o exterior e utilizar todos esses recursos.

Cartão caro não é sinônimo de bom, a não ser que você realmente utilize todos os serviços adicionais oferecidos. 

Sem Anuidade

A anuidade é cobrada para cobrir os custos com a administração do cartão. A maior parte dos produtos disponíveis no mercado cobra a taxa, mas existem aquele que oferecem a gratuidade na cobrança anual. Um cartão de crédito sem anuidade pode ser sim uma boa opção, pois você economizará bastante com os custos do produto e poderá usufruir das vantagens financeiras. A dica é escolher um cartão que atenda às suas necessidades e tenha pelo menos um bom desconto na anuidade.

Um bom cartão de crédito pode até ter anuidade, mas precisa oferecer serviços que compensem a cobrança. 

Juros Baixos

Será que um cartão com juros baixos é a melhor opção? Essa pode ser uma armadilha, pois o consumidor se sente tentado a usar o crédito rotativo. Os cartões cobram juros altos pelo uso do rotativo e outros serviços como saques e parcelamento da fatura. Por isso, o ideal é não usar esses serviços. Caso você precise recorrer a esses serviços, é interessante que os juros sejam menores. No entanto, o melhor é fugir das cobranças pagando o valor integral da fatura até a data de vencimento.

Os juros baixos podem ser uma armadilha das administradoras e não uma vantagem do cartão de crédito. 

Melhor cartão

Veja as dicas para escolher o melhor cartão de crédito

Programas de Recompensas

Muitas administradoras oferecem programas de recompensas que servem para estimular os gastos e fidelizar os clientes. Os programas podem tornar o cartão mais vantajoso, desde que você consiga aproveitar os pontos. O problema é que um número considerável de brasileiros simplesmente deixa os pontos do cartão expirarem porque não sabem como efetuar o resgante. Também é comum que o usuário não consiga juntar os pontos necessários. Por isso, nem todo cartão com um bom programa de recompensas é a melhor opção. Dependendo da situação, vale mais a pena economizar na anuidade e não participar do acúmulo de pontos.

Os programas de recompensas só valem a pena para clientes que conseguem resgatar bons prêmios. 

Aceitação no Comércio

Você tem um cartão sem anuidade, com um programa de recompensas eficaz e juros baixos, porém ele quase não é aceito no comércio. Nesse exemplo, fica difícil dizer que o cartão é um bom produto, pois o cliente ficará limitado na hora de usá-lo. A aceitação é um ponto importante na hora de escolher um cartão de crédito. Pois isso, o consumidor deve ficar de olho na bandeira. Marcas renomadas como Mastercard e Visa oferecem ampla aceitação. Já as bandeiras nacionais, como a Elo, podem ser menos aceitas. Mais uma vez, o bom cartão é aquele que atende à suas necessidades. Se a bandeira local possui parcerias nos principais comércios de sua cidade, o cartão pode ser ótimo, mesmo não sendo de uma grande marca.

A aceitação do cartão é determinante para que ele seja bom ou não. Observe sempre onde você poderá usar a forma de pagamento nos estabelecimentos em que costuma comprar. 

Descontos

Os cartões emitidos por comércios, como supermercados e lojas de departamento, podem oferecer descontos para quem os utiliza. Essa é uma vantagem interessante, porém precisa ser usada com cautela. Um bom cartão oferece descontos? Talvez. Preços menores são ótimos, mas podem levar o consumidor a gastar demais. A dica é sempre aproveitar as condições de pagamento diferenciadas, mas não fazer malabarismo nem comprar algo desnecessário apenas para usar o desconto. Outro ponto importante é o acumulo de cartões. Se você tiver um cartão de cada loja, acabará tendo um volume grande de despesas e todos eles.

Um bom cartão pode oferecer descontos, mas isso não significa que você deve gastar além da conta para aproveitar os preços reduzidos. 

Resumindo:

  • O melhor cartão de crédito é aquele que atende à suas necessidades;
  • Ter consciência ao usar a forma de pagamento é a melhor forma de garantir que ela seja benéfica para o seu bolso;
  • Um bom cartão deve anuidade adequada aos serviços oferecidos;
  • Juros baixos são atrativos, mas o melhor mesmo é nunca usar o crédito rotativo;
  • A aceitabilidade do cartão no mercado pode interferir (e muito) na qualidade do produto;
  • É melhor ter um bom cartão que vários cartões que oferecem descontos.
Postado por Mila Silva. Veja mais cartões de crédito emitidos por: Artigos e também com características semelhantes: , , , , , , ,
RSS por email

Deixe sua opinião “O Que É um Bom Cartão?